Atenção:

Para navegar no site habilite o "JavaScript" em seu navegador (browser) de internet!
 
 
Destaques
 
Notícias Online
 
21/08/2015
5º Encontur destaca o crescimento do turismo em Jundiaí

Com representantes de cursos do setor em mais de 30 cidades paulistas, o 5º Encontro de Turismo do Centro Paula Souza (Encontur) foi aberto em Jundiaí nesta quinta-feira (20) destacando as ações que valorizaram esse segmento econômico e social no período entre 2013 e 2015, que colocam o município entre os fortes candidatos a serem reconhecidos como de interesse turístico.

“É uma honra estar neste evento representando o prefeito Pedro Bigardi com os dados de crescimento dos últimos anos, a partir da valorização de nossa cultura, de nosso artesanato, de nossa paisagem rural e da comunidade como um todo”, afirmou o secretário de Agricultura, Abastecimento e Turismo. Marcos Brunholi.

O trabalho da Prefeitura de Jundiaí nesse campo foi reforçado pela parceria com outras instituições, como Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e do próprio Centro Paula Souza, que mantém no município uma faculdade de tecnologia e duas escolas técnicas.

“Estamos preparando para 2016 o lançamento do curso de Cozinha e Gastronomia, inicialmente no sistema de Educação de Jovens e Adultos, no período noturno, e também do primeiro curso de Viticultura e Enologia do estado”, anunciou Eduardo Alvarez, diretor da Escola Técnica Estadual Benedito Storani (surgida há 70 anos como escola de horticultura e há 45 anos como escola técnica), que criou o curso de turismo no contexto do surgimento do Circuito das Frutas, em 1999.

Reestruturação

Apenas entre 2013 e 2014, o crescimento do número de turistas em Jundiaí avançou 19% e atingiu 120 mil turistas de negócios e, na maioria, 339 mil turistas de lazer. De acordo com a diretora setorial, Marcela Moro, essa dinâmica retratada em pesquisa feita em parceria com faculdades como a Unip mostra também que os empregos diretos e indiretos do setor já somam 32 mil postos (ou 8% da população total).

“Ao contrário de muitas outras cidades, a atual gestão priorizou a presença de turismólogos no setor, e isso tem propiciado novos programas, além de aumentar a interação com as demais instituições e com o Conselho Municipal de Turismo”, destacou.

A busca de transformar Jundiaí em um polo reconhecido de turismo passou pelo fortalecimento organizacional (incluindo o próprio conselho, o Circuito das Frutas e adequações até mesmo na Lei Orgânica do Município) e depois pelo reconhecimento de que o turismo não é apenas de negócios, por ampliar atrativos turísticos mais qualificados e pelo estudo das rotas turísticas.

Nessa visão, as ações passaram pelo resgate da Festa da Uva de Jundiaí a partir de 2013, com 71 mil visitas naquele ano para 153 mil visitas em 2015, mesmo tirando grandes shows e valorizando a cultura local e a própria uva surgida na cidade em 1933, a Niagara Rosada.

Outras dessas ações foram o surgimento do festival gastronômico Sabores de Jundiaí, chamando a atenção para mais de 300 restaurantes da cidade, passando de 7 mil pratos na primeira edição para mais de 13 mil terceira, e o programa Jundiaí Feito à Mão, que atingiu mais de 200 cadastrados e valorizou o artesanato criativo em 120 eventos, reprimindo o “industrianato” com visitas técnicas. As Rotas Turísticas (organizando regiões da cidade, inicialmente nas áreas do Caxambu e da Terra Nova) e o Empório Jundiaí (para produtos tradicionais da cidade) são outras das linhas em estruturação.

Entre as medidas de apoio podem ser citadas a qualificação, o funcionamento em fins de semana e feriados do Centro de Informações Turísticas, o uso da internet no portal Turismo Jundiaí, a troca de dados entre empreendimentos e técnicos recém-formados e a atuação forte no Circuito das Frutas, entre outras.

Com 985 unidades habitacionais, o setor hoteleiro deve dobrar até 2017 (outras 760 estão em fase de implantação) e a análise prevê um esforço de reposicionamento do setor.

Os esforços adotados pela Prefeitura de Jundiaí durante o governo Pedro Bigardi, buscando harmonia com a dinâmica da “trade” turística que passa por números como 16 adegas, 16 sítios produtivos, 5 fazendas, 7 parques ou 393 pontos de alimentação, entre muitos outros, estão em linha com o reconhecimento também econômico do setor. “Nossa preocupação é preparar os pequenos empreendimentos”, afirma a assessora Valéria Silveira de Oliveira.

Centro Histórico

No roteiro dos participantes do Encontur 2015, preparado pelos educadores Wilson Estevão (diretor do curso técnico) e Bruna Fiori (coordenadora de Projetos do Eixo de Turismo, Hospitalidade e Lazer), a visita dos demais participantes do evento passa, na manhã deste sábado (22), pelo Centro Histórico.

O trajeto coincide com um dia de grande movimento nessa região central da cidade com a inauguração da Casa das Letras, às 10 horas, a realização de um debate na exposição do Solar do Barão, também às 10h, o início da última oficina de marcenaria urbana no projeto Urbanismo Caminhável, outro evento previsto para as 10h, e o andamento da intervenção artística na face da rua Vigário das obras de reforma do Escadão durante o dia inteiro. “Não sabíamos de tantas iniciativas ocorrendo ao mesmo tempo perto do nosso roteiro, mas isso valoriza o trajeto aos nossos visitantes”, comentou Estevão.

Uma visita a adegas da Rota da Uva está prevista para esta sexta-feira (21). No sábado, o roteiro deve passar, a partir das 9 horas, pelo Mosteiro São Bento, Escola Conde do Parnaíba, Solar do Barão, Catedral, Gabinete de Leitura, Casa Rosa, Teatro Polytheama e Pinacoteca.

Fonte: Jundiaí.com.br
 


Últimas Notícias 
23/02/2018
» Capital cearense será sede do Conotel 2018
23/02/2018
» Muitas novidades em brinquedos pedagógicos na Abrin 2018
23/02/2018
» Brasil Cycle Fair agora é Bike Brasil
23/02/2018
» ExpoLondrina 2018: Venda de ingressos começam dia 1
23/02/2018
» AveSui 2018: Paraná puxa crescimento da piscicultura no Brasil
mais...
  buscar notícias:
 
Feiras 2019, Feiras 2018, Feiras 2017, Feiras Industriais, Feiras do Brasil, Feiras e Eventos, Feiras e Congressos, Feiras no Brasil, Feiras Brasil, Calendário de Feiras, Calendário Feiras do Brasil, Feiras, Feiras 2019 SP, Feiras 2019 São Paulo, Feiras 2018 SP, Feiras 2018 São Paulo, Eventos SP, Eventos São Paulo, Feiras Anhembi, Feiras Expo Center Norte, São Paulo Expo, Calendário 2019, Calendário 2018, Calendário 2017, Eventos 2019, Eventos 2018, Eventos 2017, Congressos 2019, Congressos 2018, Congressos 2017, Turismo de Negócios, Agenda de Eventos, Agenda de Feiras, Agenda de Exposições, Exposição Agropecuária, Eventos Empresariais, Expo 2019, Expo 2018, Expo 2017, Expo Center Norte, Anhembi Parque, Transamérica Expo Center, Riocentro, Centro de Eventos Pro Magno, Bienal do Ibirapuera, Centro de Convenções Frei Caneca, NFeiras, feiras 2019 brasil, feiras 2018 brasil, calendário brasileiro de exposições e feiras 2019, calendário brasileiro de exposições e feiras 2018, feiras 2019 sp, feiras 2018 sp, calendario de feiras em sp 2019, calendario de feiras 2019, calendário de feiras e eventos 2019, calendario de feiras 2019 brasil, calendario de feiras em sp 2018, calendario de feiras 2018, calendário de feiras e eventos 2018, calendario de feiras 2018 brasil, calendário brasileiro de exposições e feiras, Feiras em 2019, Principais feiras realizadas em 2019, Acesse as feiras que se realizam em 2019, Feiras em 2018, Principais feiras realizadas em 2018, Acesse as feiras que se realizam em 2019, Acesse as feiras que se realizam em 2018, Calendário Brasileiro de Exposições e Feiras, Exposições e Feiras, Expofeiras, Sistema de Gerenciamento de Exposições e Feiras, Eventos & Feiras, Feiras & Negócios, Feiras & Congressos, Calendário das Principais Feiras de Negócios do Brasil 2019, Calendário das Principais Feiras de Negócios do Brasil 2018, Calendário de Eventos, Sistema de Exposições e Feiras, Feiras em Brasil. Calendário de feiras em Brasil, Calendário de Feiras SP 2019, Calendário de Feiras SP 2018, Calendário Brasileiro de Feiras e Eventos, feiras e eventos empresariais, feiras de negócios e eventos empresariais