Atenção:

Para navegar no site habilite o "JavaScript" em seu navegador (browser) de internet!
 
 
 
Destaques
 
Notícias Online
 
  buscar notícias:
 
17/09/2015
“Os investimentos são bem-vindos e o Brasil precisa deles, mas temos que materializar”

Para presidente da Anut, Henrique Baldez, concessão de ferrovias vai alavancar planos. Investimentos previstos para 2016 geram expectativa na indústria, que espera receber um volume maior de encomendas do mercado

O ano tem sido de preparação para o setor ferroviário em termos de investimentos previstos a partir do momento em que o novo modelo de concessões for definido. O Governo Federal já apresentou um planejamento para a concessão de novas ferrovias, com prazo para que os estudos de viabilidade sejam apresentados ainda neste mês de setembro para o Ministério dos Transportes. Somente após esta resolução e a realização de audiências públicas é que será decidido o modelo a ser adotado pelo Tribunal de Contas da União. Enquanto isso, o mercado se prepara para o lançamento do edital dos leilões.

O presidente da Associação Nacional dos Usuários do Transporte de Cargas (ANUT), entidade apoiadora da NT Expo - 18ª Negócios nos Trilhos, principal evento do setor metroferroviário da América do Sul, Luiz Henrique Baldez, explica que existe todo um procedimento institucionalizado a ser respeitado e, somente após o cumprimento destas etapas, é que o edital será publicado. “Este ano não haverá nenhuma consequência de investimento, contratação de obra, compra de equipamento. O setor industrial, a fabricação e compra de vagões e locomotivas não será afetado por esse pacote de investimentos que o Governo está planejando. Isso só vai ter algum reflexo a partir de 2016”, acrescenta.

Baldez argumenta que o reflexo dos leilões somente aparece quando o processo termina e o contrato de concessão e as obras são iniciadas. A partir daí as encomendas começam a ser feitas em termos de trilhos, equipamentos ferroviários, vagões, sinalização, centro de controle operacional de locomotivas. “O início das obras reflete em encomendas de equipamentos necessários para operação da via. Então se tem uma ferrovia que leva bilhões de reais na compra de equipamentos”.

Para a ANUT o maior desafio está na efetiva realização dos projetos, pois o País possuí tecnologia e expertise para executar os traçados e as obras. “As empresas estão capacitadas, o problema é a dificuldade para colocar em prática devido as burocracias e questões ambientais. Os investimentos são bem-vindos e o Brasil precisa deles, mas temos que materializar. Desta vez, teremos condições de colocar estes planos em prática”, finaliza.

Empresas - De olho no potencial de encomendas previstas para o mercado no próximo ano, as empresas do setor se reúnem durante a NT Expo para apresentar as últimas novidades em termos de inovações e soluções tecnológicas desenvolvidas especialmente para suprir as demandas que virão quando os investimentos começarem a ser aplicados.

Para o presidente da ANUT, as inovações tecnológicas são fundamentais para o setor ferroviário. “Ainda temos graves problemas de ineficiência no setor ferroviário, principalmente, ineficiência física. A velocidade de transporte é muito baixa porque a malha ainda atravessa muitos centros urbanos onde a velocidade precisa ser reduzida. Isso diminui muito a produtividade. As tecnologias trazem enormes benefícios, como redução de custo e melhoria da produção. Levamos ao Governo a nossa preocupação em melhorar a malha para dar mais velocidade e proveito para os usuários”.

Durante a NT Expo, a ANUT contribuirá com o setor no sentido de apontar caminhos para que a eficiência e produtividade ferroviária seja melhorada tanto na defesa dos gargalos existentes na infraestrutura brasileira, quanto na redução de custos das mercadorias para os usuários. A NT Expo - 18ª Negócios nos Trilhos, acontece de 3 a 5 de novembro, em São Paulo. A feira conta com mais de 230 marcas expositoras nacionais e internacionais que exibirão as últimas tendências e inovações em equipamentos, infraestrutura, serviços e manutenção.

NT Expo - 18ª Negócios nos Trilhos Data: 3, 4 e 5 de novembro. Horário: 13 às 20h. Local: Expo Center Norte. Rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme, São Paulo.

Sobre a NT Expo – 18ª Negócios nos Trilhos

É o principal encontro do setor de transporte metroferroviário da América Latina e reúne os principais players do mercado, carga e passageiro, nacionais e internacionais e toda a cadeia produtiva atuando como plataforma de geração de negócios, networking e melhores práticas. Em 2014 reuniu 230 empresas, de 23 países e atraiu 9.023 visitantes. Em 2015, a NT Expo – Negócios nos Trilhos acontece entre os dias 3 e 5 de novembro, das 13 às 20 horas, no Expo Center Norte, em São Paulo (SP).

Sobre a UBM Brazil

A UBM é líder global em mídia de negócios e segunda maior organizadora de eventos no mundo, com expertise reconhecida em promover e incentivar o networking e os negócios entre empresas dos mais diversos segmentos de atuação. Fundada em 1918 e com sede em Londres, está presente em 20 países, nos cinco continentes, com 5.500 funcionários e 160 escritórios, atuando em dezenas de setores que vão da alta tecnologia à moda e ao setor de saúde. No país desde 1994, a UBM Brazil foi a primeira multinacional a entrar no mercado brasileiro de feiras. Conecta profissionais dos diversos segmentos da indústria, tais como Construção Civil, Transporte de Carga, Logística e Comércio Internacional, Portos, Terminais e Armazéns, Tecnologia e Eletrônica, Indústria Medica e Farmacêutica, Ingredientes Alimentícios, Indústria Metroferroviária e Indústria Naval.

Mais: www.ubmbrazil.com.br e www.ubm.com


Fonte: Assessoria de Imprensa
 


Últimas Notícias 
23/06/2017
» Infertilidade figura entre temas do Congresso Internacional de Osteopatia em Campinas
23/06/2017
» Flyworld Viagens Piracicaba participa de Feira de Noivas com pacotes especiais para Lua de Mel
23/06/2017
» Shopping Minascasa realiza 17ª edição da Feira de Artesanato a partir de hoje (22)
23/06/2017
» Gravação a laser Datalogic traz confiança e economia para indústria e comércio
23/06/2017
» Água de Cheiro retoma o negócio com força total
mais...
  buscar notícias: