Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil: a mais completa e atualizada informação sobre o mercado de feiras
 
 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 

23/02/2018
Bio Brasil lança automação diagnóstica durante Medlab

A Medlab 2018 foi escolhida como palco para o lançamento de uma solução inovadora desenvolvida pela Bio Brasil, empresa brasileira que investe constantemente em qualidade de produtos e tecnologias para promoção da saúde. Participando do evento dentro do pavilhão brasileiro montado pelo projeto setorial Brazilian Health Devices – projeto setorial executado pela Abimo com suporte da Apex-Brasil – a marca acaba de apresentar o Diagnóstico Automatizado de Parasitas Intestinais, equipamento capaz de diagnosticar todas as formas de parasitas, uma solução pioneira e sem similares no mundo.

“A área de parasitologia é muito carente. É a única área no setor de análises clínicas que não tem nenhum tipo de automação. Todas as técnicas são 100% manuais e o mercado não tinha nem previsão de receber algum tipo de automação para o setor. Tanto que os laboratórios, quando veem nossa solução, nem acreditam por ser realmente uma ideia totalmente nova”, declara Fábio Freitas, que representou a marca durante o evento.

A proposta da marca é a de otimizar os processos. “Tornamos a análise mais sensível e mais específica, além de promover a redução da mão de obra e a padronização dos resultados”, diz Freitas ao explicar que, hoje, todos os dados são registrados pelo microscopista e toda a leitura é manual, fazendo com que haja diferenças significativas entre a primeira e a última leituras feitas pelo técnico. “Outra vantagem é que podemos ler uma área muito maior que aquela analisada hoje em dia. O microscopista lê em torno de cem campos de microscopia. Com o novo equipamento, podemos ler mais de dois mil campos”, analisa.

O profissional ainda explica que novas etapas estão em estudo para que seja possível automatizar completamente a análise: “Coletamos, processamos a amostra e conseguimos automatizar a leitura, o que já é um grande passo por serem algumas das etapas mais caras para o laboratório. Agora, temos em andamento um novo processo que poderá tornar possível apenas colocar a amostra no equipamento e obter o resultado. Estamos caminhando para uma automação total do diagnóstico”.

A nova tecnologia lançada pela Bio Brasil permite diagnosticar todas as formas de parasitas intestinais existentes, e não somente os da região tropical brasileira. Além disso, também poderá ser aplicada para outros tipos de materiais além dos parasitas.

Desenvolvimento do projeto – A parceria com a Unicamp foi fundamental para que a Bio Brasil conseguisse desenvolver o escopo do Diagnóstico Automatizado de Parasitas Intestinais. A ideia, que primeiramente nasceu com a criação de um sistema capaz de fazer a coleta, o processamento, a filtração e a concentração das amostras, evoluiu integrando o time de computação da universidade, composto por especialistas em análise de imagens. “A parte do software foi completamente desenvolvida pela equipe de computação da Unicamp, já a parte do hardware, que é o que apresentamos na Medlab, foi um desenvolvimento conjunto entre nós da Bio Brasil e uma empresa parceira instalada em Chicago, nos EUA”, explica Freitas.

No Brasil, a marca apresentará o Diagnóstico Automatizado de Parasitas Intestinais durante o 52º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial, evento que será realizado entre 25 e 28 de setembro em Florianópolis, Santa Catarina.

Brazilian Health Devices (BHD)

O Projeto Setorial Brazilian Health Devices, executado pela Abimo em parceria com a Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), tem como missão fomentar as exportações das indústrias de artigos e equipamentos da área da saúde. Brazilian Health Devices é a marca que reúne as indústrias exportadoras do setor e as representa internacionalmente.

Para fomentar as exportações do setor e representá-lo internacionalmente, o PS Brazilian Health Devices realiza diversas ações. Promove desde cursos e workshops que auxiliam as fabricantes nacionais na adaptação da estrutura e dos produtos para atuação em diferentes mercados, até a participação em eventos internacionais, apresentando a produção e as marcas brasileiras ao mundo.

Iniciado em 2002, o Brazilian Health Devices reúne hoje mais de 165 empresas exportadoras, fatia que corresponde a 46% dos associados à Abimo. Nesses 13 anos de atuação, contribuiu de forma efetiva para o aumento de mais de 260% nas vendas externas do setor. Além disso, colaborou para a formação do atual cenário, no qual cerca de 80% dos exportadores possuem estruturas dedicadas a atender clientes internacionais, oferecendo emprego a 931 funcionários, estando 93% alocados no Brasil e 7% no exterior.


Fonte: Apex-Brasil
 
 


Últimas Notícias 
22/01/2021
» Cancelada a 20ª Expoagro Afubra 2021
22/01/2021
» AmpeBr comemora sucesso do primeiro dia de Pronegócio
22/01/2021
» Fespa Digital Printing entra em 2021 com altas expectativas
22/01/2021
» Entidades se adequam à nova realidade para realização de exposições pecuárias em 2021
22/01/2021
» Autoshow fará carreata de carros antigos em comemoração ao aniversário de SP
mais...
  buscar notícias: