Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil
A mais completa e atualizada
informação sobre o mercado de feiras
 
 
 
 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 
Hackatour Cataratas busca novas tecnologias para o turismo

26/04/2021
Hackatour Cataratas busca novas tecnologias para o turismo

O evento 100% online está no seu sexto ano e acontece em Foz do Iguaçu, no mês de maio. Uma maratona de desenvolvimento de soluções tecnológicas com foco em novas ideias para Cidades Inteligentes no Turismo. Inscrições estão abertas.

A 6ª Edição do Hackatour Cataratas, com sede em Foz do Iguaçu, está confirmada para os próximos dias 07, 08 e 09 de maio. O evento consiste numa maratona de programação de softwares voltados para o setor de turismo e tem por objetivo incentivar o empreendedorismo, divulgar a cultura das inovações e aproximar o mercado do turismo com a área da tecnologia. - Foto: Denis Ferreira Netto

A 6ª edição do Hackatour Cataratas, com sede em Foz do Iguaçu, está confirmada para os dias 07, 08 e 09 de maio. O evento consiste numa maratona de programação de softwares voltados para o setor de turismo e tem por objetivo incentivar o empreendedorismo, divulgar a cultura das inovações e aproximar o mercado do turismo com a área da tecnologia.

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo site www.hackatour.com. O valor é de R$ 50. A exemplo de 2020, o Hackatour deste ano acontecerá 100% online. Com o tema Cidades Inteligentes no Turismo, o evento tem como público-alvo desenvolvedores web; analistas de sistemas; UX designers; engenheiros; empreendedores de tecnologia; empreendedores e estudantes das áreas de turismo, hotelaria e administração.

A ideia foi lançada em 2015, durante o 10º Festival das Cataratas, um dos maiores eventos de turismo da América Latina. Baseou-se em hackathons (programar de forma excepcional e maratona), cuja disputa é focada em demandas voltadas para o setor. Além de os concorrentes disputarem prêmios em dinheiro, é uma oportunidade de negócios, interação entre profissionais, atuação em networking ou participação em um projeto colaborativo.

Diretora Técnica da Paraná Turismo, Isabela Tioqueta ressaltou que a iniciativa atende a um dos preceitos básicos do Masterplan – direcionamento estratégico Paraná Turístico 2026: pacto para um destino inteligente.

“É importante quando a gente vê propostas como essa sendo trabalhadas. Elas focam no desenvolvimento e criação de estratégias para direcionamento e crescimento econômico dos municípios, com geração de emprego e renda”, disse a diretora.

Mayara Angeli, presidente do Idestur, instituto realizador do evento, acrescentou que esta edição é mais uma ferramenta para a recuperação do setor no período de pandemia. “A inovação sempre foi um diferencial importante para o desenvolvimento do turismo. Além de diferencial, tornou-se uma necessidade para recuperação do mercado. E o Hackatour Cataratas tem essa pegada. Um espaço incentivador para o surgimento de novas tecnologias”, disse.

Ela citou, ainda, a parceria com o Parque Tecnológico de Itaipu que já consta com um case de sucesso em execução na cidade – a Vila A Inteligente –, o primeiro bairro inteligente do Brasil. “Uma experiência exitosa que tem tudo a ver com o tema do Hackatour Cataratas, deste ano”, complementou.

O PTI abriga o Laboratório Vivo de Cidades Inteligentes, onde produtos e soluções relacionados ao tema são testados e implementados em um ambiente controlado no parque.

Evento

Com sede em Foz do Iguaçu, o Hackatour Cataratas – uma complementação do Festival das Cataratas – é realizado pelo Instituto de Desenvolvimento do Turismo, Cultura, Esporte e Meio Ambiente (Idestur), UniAmérica, Startup PR, Parque Tecnológio Itaipu, Sebrae Paraná e conta com a parceria estratégica do Governo do Paraná, por meio da Superintendência Geral de Inovação.

Conforme a programação, serão seis etapas percorridas durante a maratona: Descoberta, Ideação, Prototipação, Validação, Premiação e Aceleração. As equipes participantes deverão, em menos de três dias, desenvolver soluções tecnológicas e poderão contar com o apoio de um time especializado em diversas temáticas. Também acompanharão palestras, mentorias e webinars.

Todos os projetos serão avaliados por uma banca de especialistas, a partir da análise de diversos aspectos da solução, como criatividade, aplicabilidade e viabilidade de execução das soluções que serão entregues por meio de um vídeo de até três minutos na estrutura de um pitch e uma apresentação.

A lista de finalistas será divulgada em 12 de maio durante uma live nas mídias sociais do evento. A melhor equipe será premiada com R$ 3 mil, além de cinco livros, duas horas de mentorias business do Parque Tecnológico Itaipu (PTI), cinco horas de consultoria e imersão com o Sebrae-PR e pré-incubação na UniAmérica. Os outros dois melhores times também serão premiados.

www.hackatour.com
 
 


Últimas Notícias 
24/09/2021
» Mercoagro 2022: ACIC Chapecó altera data da feira
24/09/2021
» XIII Congresso Nacional de Feijão começa no dia 28 e será totalmente virtual
24/09/2021
» DevCamp: um evento além de tecnologia
24/09/2021
» Expoagro Digital movimenta mais de R$ 50 mi em Feira de Negócios
24/09/2021
» APP Ribeirão abre inscrições para o 30º FestGraf
mais...
  buscar notícias: