Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil: a mais completa e atualizada informação sobre o mercado de feiras
 
 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 

27/03/2018
ExpoLondrina: “O Agro brasileiro já é protagonista mundial, mas falta fazer valer sua força política”

“O Brasil já é o grande protagonista mundial na produção agrícola. Nenhum outro país reúne condições físicas, climáticas e de área tão favoráveis. Além disso, é supercompetente na tecnificação do sistema produtivo, incluindo pacotes tecnológicos de última geração, o que resulta em supersafras. Todos esses são fatores que nos dão sustentação e o protagonismo. Falta saber se teremos continuidade”, questiona o diretor da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), o engenheiro agrônomo Luiz Gustavo Nússio.

Nussio é um dos participantes do debate “O agronegócio na nova sociedade: implicações e perspectivas para o Brasil”, que integra o Fórum do Agronegócio 2018 que acontece no dia 9 de abril, no Parque Governador Ney Braga, durante a ExpoLondrina. O debate reunirá também líderes do setor do agronegócio brasileiro como a senadora Ana Amélia Lemos (PP); o presidente da Embrapa, Maurício Antônio Lopes; o presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken; e o presidente da Associação Brasileira do Agronegócio (Abag), Luiz Carlos Correa Carvalho. O expositor será o ex-ministro da Agricultura e coordenador do Centro de Agronegócio da FGV, Roberto Rodrigues.

Segundo o diretor da Esalq, o Brasil está bem posicionado como player mundial. “Estamos treinando bem as pessoas, dando uma excelente qualificação para quem vai trabalhar com o setor agrícola agora. Mas, nesse ponto adiciona-se um componente: os profissionais estão sendo treinados para mais a longo prazo?”, questiona. Para ele, é preciso gerar uma contribuição ao ciclo de 10 anos – “a cada 10 anos”, explica, “aparecem coisas novas” – e é preciso treinar para saberem agir em 20, 30, 40 anos.

Outro ponto importante para o agronegócio brasileiro, de acordo com Nussio, é o reconhecimento do setor como fundamental para o País, em diversos aspectos. “O agronegócio deve olhar com cuidado para as próximas eleições e fazer valer seu peso, seu protagonismo também na política”, explica. Segundo ele, não basta ter uma bancada ruralista no Congresso, que busca benefícios para si e que acaba gerando indisposição pública contra o setor. “É preciso posicionar o agro como um gerador de riquezas também para a população, já que gera empregos, alimentos e pode fomentar políticas e iniciativas de educação básica, de saúde e de segurança pública, os três eixos principais para a população”, diz. Para Nussio, é hora do agronegócio levantar a bandeira da Paz Social “e do Brasil se orgulhar de ser um país agrícola”.

Esta é a terceira edição do Fórum do Agronegócio que traz como tema, este ano, “O protagonismo do Agro brasileiro no mundo”. Durante o evento, também será realizada a Conferência “O Brasil protagonista de uma nova história no Agro mundial”, com o presidente da Apex, embaixador Roberto Jaguaribe; e o painel “Inovação no Agro e na Agroindústria Brasileira: as demandas mundiais e os desafios na produção sustentável de alimentos”, com a participação do presidente da SRB, Marcelo Vieira; o presidente da Abramilho, ex-ministro Alysson Paolinelli; presidente Aprosoja, Marcos da Rosa; presidente Abiec, Antonio Jorge Camardelli; presidente da John Deere,Paulo Herrmann; presidente ABCT, Pedro Lopes; presidente da Ibisa, Mônika Bergarmaschi; e presidente do Conselho Administração da Cocamar, Luiz Lourenço.

Informações e inscrições podem ser acessadas no site www.forumdogronegócio.com


Fonte: Assessoria de Imprensa
 
 


Últimas Notícias 
30/11/2020
» SET eXPerience Live: o maior debate online sobre temas do mercado de mídia e entretenimento
30/11/2020
» Feira da Loucura por Sapatos está confirmada de 03 a 13 de dezembro
30/11/2020
» Protocolo sanitário da 22ª Expodireto Cotrijal é entregue ao governo do Estado
30/11/2020
» Habemos Whext: festival acontecerá nos dias 3 e 4 de dezembro, com transmissão online
30/11/2020
» Congresso Online de Tecnologia da Informação debate tendências desse mercado
mais...
  buscar notícias: