Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil: a mais completa e atualizada informação sobre o mercado de feiras
 
 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 
Embrapa Agroenergia tem três ativos selecionados em rodada de negócios com a ABBI

10/02/2021
Embrapa Agroenergia tem três ativos selecionados em rodada de negócios com a ABBI

Rodada de Negócios “Inovação em Biotecnologia Agroindustrial” foi realizada virtualmente nos dias 21 e 22 de janeiro de 2021

A Rodada de Negócios “Inovação em Biotecnologia Agroindustrial”, realizada entre a Embrapa e seis empresas associadas à Associação Brasileira de Bioinovação (ABBI) nos dias 21 e 22 de janeiro de 2021, gerou resultados positivos para a Embrapa Agroenergia. Três ativos tecnológicos foram selecionados para projetos de parceria: as Canas BtRR e FLEX, desenvolvidas pela equipe do pesquisador Hugo Molinari, e o Coquetel enzimático para desconstrução de biomassa vegetal com alta eficiência, das equipes de pesquisa dos laboratórios de Genética e Biotecnologia (LGB) e Processos Bioquímicos (LPB).

Para o pesquisador Hugo Molinari, gestor do portfólio Biotecnologia Avançada Aplicada ao Agronegócio (BioTecAgro), o evento possibilitou a aproximação da Embrapa com o setor privado, promovendo maior visibilidade dos ativos da empresa. “A grande motivação do nosso portfólio para esta rodada de negócios foi acelerar o processo de divulgação dos ativos de base tecnológica da Embrapa para o setor privado e, principalmente, facilitar a conexão dos ativos mais adequados para negócios com as empresas associadas à ABBI”, disse Molinari.

“Na minha palestra, destaquei as principais demandas de pesquisa em biotecnologia apontadas pelo setor produtivo em trabalho prévio feito pelo portfólio BioTecAgro de consulta aos stakeholders. Também falamos sobre como o portfólio tem integrado ações de PD&I, objetivando resolver ou mitigar os principais problemas da agropecuária com base em ferramentas modernas da biotecnologia para a manutenção da sustentabilidade e competitividade do agronegócio brasileiro”, complementou.

A pesquisadora Betania Quirino, que também integra o portfólio BioTecAgro, considera que o evento foi uma excelente oportunidade de aproximar os pesquisadores das empresas para fazer negócios com os ativos desenvolvidos, uma das premissas do novo posicionamento que a Embrapa está adotando. “Apresentei o painel de bioinsumos 1, onde foram mostradas várias tecnologias produzidas por diferentes unidades de todo o Brasil, dentre as quais o Coquetel Enzimático produzido pela nossa Unidade em parceria com o Centro de Tecnologia Canavieira (CTC)”, afirmou.

Participaram da rodada de negócios virtual 14 Unidades da Embrapa, das quais sete tiveram ativos escolhidos (Agroenergia, Acre, Caprinos e Ovinos, Florestas, Hortaliças, Meio Ambiente e Milho e Sorgo). Por parte da ABBI, participaram seis empresas-membro (Amyris, Basf, DSM, DuPont, GranBio e Novozymes).

O diálogo foi organizado pela ABBI e pela Embrapa. No total, foram apresentados 42 ativos de inovação em biotecnologia em diferentes estágios de maturidade e ainda não disponíveis no mercado, dos quais 15 foram selecionados por quatro empresas. Antes do início da rodada de negócios, Embrapa e ABBI assinaram um Acordo de Confidencialidade (NDA). As oportunidades de negócio com a Embrapa são de cooperação técnico-financeira de codesenvolvimento e validação e/ou ampliação para escala industrial.

www.embrapa.br
 
 


Últimas Notícias 
07/05/2021
» Gramado Summit gera centenas de empregos indiretos
07/05/2021
» Fenasucro & Agrocana: feira é transferida para novembro
07/05/2021
» Solução para o plástico será tema de palestra no 4º Congresso Brasileiro do Plástico
07/05/2021
» Yes Móvel Show Campinas será realizado em outubro
07/05/2021
» IBP debate expectativa da Rio Oil & Gas 2022 em Por Dentro do Congresso
mais...
  buscar notícias: