Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil
A mais completa e atualizada
informação sobre o mercado de feiras
 
 
 
 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 
Confira a programação do Medical Conecta

06/08/2021
Confira a programação do Medical Conecta

De 10 a 14 de agosto, plataforma digital da Medical Fair Brasil, além de conectar fornecedores e compradores, promoverá uma série de palestras gratuitas, com o apoio das principais entidades do setor de saúde nacional

A Medical Fair Brasil (MFB) realiza de 10 a 14 de agosto, o Medical Conecta. Mais que um evento digital, será uma plataforma para conectar os players do setor de saúde para fechar negócios e também debater os passos para a reconstrução deste segmento tão afetado pela pandemia de Covid-19. Além da conexão entre fornecedores – que colocarão seus portfólios à mostra –, e compradores, haverá uma exclusiva programação de conteúdo, gratuita, realizada com o apoio das principais entidades do setor a nível nacional. Inscreva-se em www.medicalconecta.com.br.

Dia 10

No dia 10, a partir das 8h30, o Sechat, principal portal de conteúdo sobre cannabis para fins medicinais do Brasil, apresentará palestras sobre esta pauta polêmica, mas também muito atual. Embora o uso medicinal da cannabis esteja sendo amplamente debatido, não se trata de uma novidade, já que ao se analisar a história encontram-se registros da ampla utilização por civilizações antigas.

A partir das 11h, a Unidas Autogestão em Saúde assume as apresentações para falar com sua expertise de quem acompanha de perto a evolução do setor, atuando permanentemente junto às agências reguladoras – Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) –, ao Ministério da Saúde, ao Congresso Nacional, entre outras instâncias governamentais. Além disso, seu trânsito com os representantes dos demais segmentos da saúde suplementar tem garantido à entidade reconhecimento e possibilidade de participar ativamente do cenário da saúde no país.

E às 13h30, a Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica (Abramed) realiza o painel “Covid-19: desafios para a medicina diagnóstica”. Como se sabe, o segmento laboratorial é um dos mais essenciais no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus e precisou reorganizar infraestruturas e fluxos de atendimento quando a saída, inicialmente, era a testagem em massa da população. Os laboratórios se reinventaram e passaram a ser ainda mais valorizados, assumindo protagonismo em um momento de crise.

Dia 11

O Global Summit Telemedicine & Digital Health, maior e mais relevante encontro sobre telemedicina e saúde digital da América Latina, realizará painel, no dia 11, às 9h, para falar sobre os caminhos essenciais a percorrer no universo da saúde digital.

Também às 9h, a Associação Brasileira de Clínicas e Hospitais de Transição (Abracht) destacará as questões que envolvem transição de cuidados, que é um conjunto de ações destinadas para assegurar a coordenação e a continuidade do cuidado na transferência intra/extra hospitalar do paciente e/ou para alta domiciliar em referências.

Às 11h, A Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia (SBLMC) terá painel que contará a História do Laser no Brasil. No mesmo horário, o Saúde Digital Brasil (SDB) assumirá a palestra “Telemedicina após a pandemia: Quais os principais avanços?”.

A pandemia também foi responsável pelo aumento dos acidentes domésticos e as crianças estão entre as principais vítimas. Segundo o Ministério da Saúde, entre março e outubro de 2019, foram realizados cerca de 18 mil atendimentos em crianças e adolescentes de até 15 anos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), vítimas de acidentes domésticos. Já em 2020, no mesmo período, o número passou dos 39 mil, representando um aumento de aproximadamente de 112%. Este será um dos temas discutidos pela Coordenação Médica em Serviços de Saúde (CMSS), às 12h30. A programação da CMSS destacará ainda recrutamento e composição de equipes médicas e multiprofissional em períodos de pandemia e o conceito de saúde 4.0.

A partir das 12h30, a Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP) estará presente falando sobre o impacto da pandemia na saúde das crianças, suas famílias e no profissional de saúde; as consequências endocrinológicas da Covid-19, e qual a jornada de atualização em Covid-19 na pediatria.

Às 14h, o espaço é reservado para a Nexxto, empresa que oferece monitoramento de temperatura e umidade de ambientes, equipamentos e produtos de saúde em tempo real, para aumentar a segurança, padronizar processos e melhorar a gestão de incidentes.

Dia 12

No dia 12, às 9h, a QC Certificações e o superintendente da Associação Brasileira de Indústria de Dispositivos Médicos (Abimo), Paulo Henrique Fraccaro, debaterão a Lei de Liberdade Econômica e o seu impacto no processo de certificação. A legislação em questão trata do direito que as pessoas possuem de desenvolver atividades econômicas, trabalhar, gerar reservas e investir sem muita interferência do Estado, aliviando o peso da burocracia sobre o empreendedor. Dessa forma, um cidadão pode colocar em prática uma ideia de empreendimento com total autonomia, criando não só uma atividade, mas também gerando empregos e contribuindo para o desenvolvimento econômico de um jeito mais rápido e simples. Mas, como será que a Lei impacta no setor da saúde? Não perca o painel!

Também às 9h, em sala paralela, a Federação Brasileira de Administradores Hospitalares (FBAH), estará à frente da conferência “A gestão dos hospitais públicos e privados na pandemia – Experiências BP: Beneficência Portuguesa de São Paulo e Instituto do Coração (InCor)”.

Às 11h, a administração hospitalar segue em destaque com o painel “A gestão dos hospitais públicos e privados na pandemia - Experiências do Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe), do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD)”.

Às 13h, o foco será em “Diagnósticos e Testagens: A gestão dos laboratórios e centros de diagnósticos na pandemia - Experiências do Laboratório Dasa e Ações Recomendadas pela Câmara Brasileira de Diagnóstico Laboratorial (CBDL)”, em painel também organizado pela FBAH.

Em seus painéis, a partir das 13h30, a Associação Brasileira de Importadores e Distribuidores de Produtos para Saúde (Abraidi) abordará dois temas atuais, cujos desdobramentos impactam a área da saúde, em especial o segmento de medical devices. O primeiro debate terá como objetivo apresentar as principais propostas de Reforma Tributária em andamento, quais sejam (i) Criação da CBS (Contribuição sobre Bens e Serviços) e (ii) Proposta de Reforma do Imposto de Renda para pessoas físicas, jurídicas e investimentos financeiros, com enfoque nos riscos e impactos sobre o setor de dispositivos médicos.

A segunda palestra promoverá um debate sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), cujas sanções administrativas terão sua vigência iniciada neste mês de agosto. A ideia é apresentar as especificidades do setor no tocante à tipologia e tratamento de dados pessoais, assim como entender as perspectivas da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) quanto ao tratamento das particularidades setoriais.

Às 15h, a FBAH promoverá discussões em torno do ensino na pandemia na área da saúde, com as perspectivas do Hospital Israelita Albert Einstein e do Centro de Estudos Avançados e Treinamento (Ceat).

Às 15h30, a Imexhs apresentará sobre o futuro das imagens na saúde, abordando sobre SaaS (software as a service), que é a revolução do modelo de distribuição e comercialização do software através de serviços, licenças de uso e assinaturas. Dessa forma, ao invés de adquirirem softwares por demanda, empresas e pessoas podem simplesmente acessar o serviço mediante pagamento pelo período de tempo contratado desse aplicativo/sistema.

Presente no mercado desde o ano 2000, a Intolabs acredita na gestão por processos como caminho para o ganho de eficiência e produtividade nas organizações, o que resulta em melhores serviços, com prazos menores e sem desperdícios. Às 16h30, ela também apresentará conferência sobre a LGPD, dessa vez avaliando a evolução da tecnologia nas instituições. Com a implantação do prontuário eletrônico, digitalização de legado e ainda, as imposições de segurança da LGPD, o setor de Serviço de Arquivamento Médico e Estatístico (Same) será extinto? Vale a pena conferir para saber!

Às 17h, a FBAH discutirá “O Carbono Zero na Saúde”, sob as óticas do público e do privado.

E encerrando o dia, às 17h30, o Ecossistema Saúde comanda a palestra “Fornecedores da saúde: quais os caminhos?”.

Dia 13

A partir da 9h, a Expo Silver Care debaterá envelhecimento saudável e questões inerentes à geração acima de 60 anos. No mesmo horário, a FBAH apresentará o processo de construção hospitalar durante a pandemia, a partir do Case Hospital Nove de Julho Alphaville.

A partir das 13h30, a programação abre espaço novamente para a LGPD, dessa vez falando sobre Termo de Consentimento Livre Esclarecido e prontuário médico, e a responsabilidade institucional decorrente do ato médico.

Gerenciamento de marca e estratégia de conteúdo multicanal compõem a programação da Abcomm, no dia 13, a partir das 14h. A comunidade de marketing e comunicação apresentará também sobre a lógica do personal branding.

Dia 14

A programação do dia 14, a partir das 9h, está reservada para o Sucesso Médico, plataforma pioneira de gestão de carreira médica do Brasil, com mais de 23 mil membros, e que oferece o melhor conteúdo, em gestão, marketing, finanças, voltado para este público.

Medical Conecta será uma oportunidade para que os players do setor saúde se encontrem, se atualizem, conversem e se preparem juntos para o retorno das atividades em seu estágio normal. Iniciativas como essa são fundamentais no atual contexto, permitindo aprendizado coletivo, em um momento em que informação e conhecimento, mais do que nunca, fazem a diferença e salvam vidas.

Mais informações e inscrições gratuitas em: www.medicalconecta.com.br.

Sobre a Medical Fair Brasil

O Grupo Messe Düsseldorf está realinhando suas atividades para o mercado de saúde no Brasil e promoverá em 2020 a primeira edição da Medical Fair Brasil. O evento será realizado em São Paulo, no Expo Center Norte, de 4 a 7 de maio de 2021. A Medical Fair Brasil é mais um membro para o mercado sul-americano da MedicAlliance, que já é representada, com sucesso, no continente pela feira Meditech na Colômbia (Bogotá). Os principais setores de foco da Medical Fair Brasil são: tecnologia médica / produtos e equipamentos médico-hospitalares, tecnologia e diagnóstico para laboratórios, TI, fisioterapia e ortopedia, além de serviços em geral para a área da saúde.

Sobre a Messe Düsseldorf

Com uma receita de cerca de 294 milhões de euros em 2018, o Grupo Messe Düsseldorf manteve sua posição como uma das empresas do segmento de feiras de maior sucesso da Alemanha. Em 2018, 26.800 expositores apresentaram seus produtos a 1,14 milhão de visitantes nos eventos em Düsseldorf. Comparando-se com edições anteriores, houve aumento no número de expositores e visitantes. O centro de exposições de Düsseldorf abriga cerca de 50 feiras em cinco setores de especialização: máquinas, instalações e equipamentos, varejo, artesanato e serviços, tecnologias médicas e de saúde, estilo de vida, bem como beleza e lazer. São 23 feiras próprias como líder no segmento e atualmente 15 eventos fortes para parceiros e convidados. Além disso, a Düsseldorf Congresso – sua subsidiária – organizou cerca de 2.200 convenções, eventos corporativos, conferências e reuniões em 2018, atraindo cerca de 1,6 milhão de delegações ao todo. O Grupo Messe Düsseldorf organiza 70 eventos próprios, eventos conjuntos e contratados em outros países, sendo uma das principais plataformas de exportação do mundo. A participação internacional é particularmente alta nas feiras de bens de capital da Messe Düsseldorf GmbH. Em 2018, seus eventos nas áreas de máquinas, instalações e equipamentos atraíram aproximadamente 77% de expositores internacionais e 70% de visitantes comerciais de outros países. No total, as feiras de Düsseldorf foram atendidas por clientes de cerca de 180 países. O grupo administra uma rede global de 77 escritórios internacionais para 141 países, incluindo sete subsidiárias internacionais.

Sobre a Emme

A Emme Brasil é uma empresa brasileira representante da maior organizadora de feiras profissionais do mundo, a Messe Düsseldorf

www.medicalconecta.com.br
 
 


Últimas Notícias 
27/09/2021
» Itaúsa realiza evento digital para discutir estratégias e visão de futuro da holding
27/09/2021
» Estão abertas as inscrições para o Futurecom Digital Week
27/09/2021
» Credenciamento antecipado abre o conjunto de medidas sanitárias para a Zero Grau
27/09/2021
» Fimma e Movelsul na contagem regressiva
27/09/2021
» Franchise4u, a primeira e maior feira de franquias focada em negócios, está de volta
mais...
  buscar notícias: