Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil
A mais completa e atualizada
informação sobre o mercado de feiras
 
 
 
 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 
CIN/Fiepa lança Fruit Amazon Business Meeting

12/11/2021
CIN/Fiepa lança Fruit Amazon Business Meeting

Para marcar o lançamento da Fruit Amazon Business Meeting, rodada internacional de negócios que vai conectar empresas paraenses e de outros estados da Amazônia Legal a compradores internacionais do setor da indústria da fruticultura, o Centro Internacional de Negócios da Fiepa realizou nesta segunda-feira, 08/11, um evento virtual transmitido pelo Facebook e Youtube do Sistema Fiepa.

A Fruit Amazon Business Meeting será realizada de 01 a 03 de dezembro deste ano em formato 100% on-line e está sendo coordenada pelo Centro Internacional de Negócios da Federação das Indústrias do Estado do Pará com colaboração de outros CINs da Amazônia Legal e realização da Apex-Brasil, Rede CIN e Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com Sebrae no Pará, Sindicato das Indústrias de Frutas e Derivados do Estado do Pará (Sindfrutas), Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec) e Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme).

Para o presidente em exercício do Sistema Fiepa, Marcos Marcelino de Oliveira, que fez a abertura oficial do evento em Belém, a rodada internacional busca fortalecer as exportações na região Norte. "Uma iniciativa como esta é importante para os estados da Amazônia Legal, pois vai permitir a realização de negócios com outros países. E o nosso Estado é sem dúvida um portal de entrada e saída das coisas boas que produzimos, então isso tem uma relevância muito grande para nossas empresas que sabem o que faz e atuam com muita responsabilidade".

As inscrições vão até o dia 22 de novembro e podem ser feitas pelo link www.bit.ly/fruitamazon ou pelo site do Sistema Fiepa www.fiepa.org.br. As inscrições são gratuitas para empresas sindicalizadas do Sistema Fiepa, participantes do PEIEX ou indicadas pelo Sebrae no Pará. Demais empresas pagam taxa de R$ 200,00. Ao todo, serão selecionadas 30 empresas locais que poderão apresentar seus produtos a dez compradores internacionais de países que integram o eixo da América do Norte, União Europeia e Arco Norte, principais mercados com interesse em produtos do setor da indústria da fruticultura amazônica.

Sobre a Rodada - As rodadas de negócios, que têm sido realizadas na modalidade virtual devido às limitações impostas pela pandemia de Covid-19, são encontros agendados entre empresas locais e potenciais compradores estrangeiros de determinado setor, que duram em média 30 minutos.

Para orientar sobre o funcionamento da rodada, a Rede CIN promoverá antes do evento três webinars para as empresas participantes. Nestes encontros preliminares, falará sobre o cenário da fruticultura na Amazônia (produção e exportação), conversa que será feita com diversos parceiros expoentes do setor; apresentará o e-book sobre um dos países compradores, os Estados Unidos; abordará também temas relacionados às certificações internacionais – Orgânico, FDA, BPM e repassará orientações sobre a plataforma BBM da Apex-Brasil, onde os encontros serão conduzidos.

Segundo a coordenadora do CIN/Fiepa, Cassandra Lobato, o principal objetivo da rodada internacional é fomentar as exportações no Pará e na Amazônia Legal. “Apesar da rodada ser direcionada à produção e exportação de sucos de frutas e derivados da Amazônia, de forma geral, esperamos proporcionar significantes desdobramentos socioeconômicos locais e de desenvolvimento sustentável, estimulando as nossas empresas na implementação e ampliação de suas exportações, gerando novas oportunidades de crescimento para o setor da região Amazônica”, afirma Cassandra.

Requisitos para a participação na Rodada – A organização do evento fará uma avaliação de perfil das empresas inscritas, de acordo com os requisitos exigidos nessa modalidade de negócios. Estarão aptas a participar da Rodada, apenas empresas brasileiras instaladas na região da Amazônia Legal produtoras e/ou comercializadoras de derivados da fruticultura, formalmente constituídas por lei e regularizadas quanto aos produtos comercializados por empresas de estados pertencentes aos CINs das Federações de Indústrias que aderiram ao projeto.

Apesar de não ser obrigatório, outro critério importante destacado pelo CIN/Fiepa para empresas que desejam participar das negociações internacionais é possuir certificações que garantam a qualidade, segurança, rastreabilidade e veracidade dos termos de rotulagem que agreguem valor aos produtos, a exemplo do Food and Drug Administration (FDA), boas práticas de fabricação - BPM, orgânicos, glúten-free, entre outros.

Com foco nos requisitos de sustentabilidade exigidos pelos mercados internacionais, também serão avaliadas as certificações orgânicas, selos de proteção ambiental e projetos que comprovem o apoio e preservação à natureza e às comunidades dos povos da floresta, que fazem parte da cadeia da indústria da fruticultura.

www.fiepa.org.br
 
 


Últimas Notícias 
21/01/2022
» Brasil sediou mais de 3,8 mil feiras que promoveram o turismo de negócios em 2021
21/01/2022
» Sealba Agro Show: programação é divulgada durante coletiva
21/01/2022
» Fornecedores de equipamentos levam tecnologias diferenciadas para a Interplast
21/01/2022
» IPVS2022: prazo de submissão de resumos termina em 31 de janeiro
21/01/2022
» AMM promoverá X Congresso Mineiro de Vereadores no Expominas em março; evento contará com feira para expositores
mais...
  buscar notícias: