Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil
 
     
 
 
     
 
Destaques & Notícias
 
Global Summit Telemedicine & Digital será ponto de encontro de negócios e desenvolvimento tecnológico

03/10/2022
Global Summit Telemedicine & Digital será ponto de encontro de negócios e desenvolvimento tecnológico

Patrocinadores apostam no evento para acelerar e intensificar a transformação digital para a construção do futuro da saúde

O Global Summit Telemedicine & Digital é reconhecido como o mais relevante evento de saúde digital, de telemedicina e de telessaúde da América Latina, por gerar oportunidades para a discussão e troca de conhecimento e experiências.

Em sua 4ª edição, que será de 4 a 6 de outubro, em formato híbrido, o GS2022, realizado pela Associação Paulista de Medicina em parceria com o Transamerica Expo Center – local do evento, em São Paulo –, terá como tema central “Saúde Digital para Todos” e também será palco para novas oportunidades de negócios e desenvolvimentos tecnológico, um ponto de encontro para as empresas do ecossistema da saúde. A área de Negócios aproxima compradores e fornecedores, fomentando networkings e parcerias que geram mais oportunidades de acordo, transações e parcerias.

Esta, inclusive, foi uma das razões que fez com que o Grupo Fleury – uma das maiores organizações de medicina e saúde do Brasil, com 96 anos, presente em nove estados, oferecendo soluções em medicina diagnóstica, por meio da coordenação de cuidado centrado no indivíduo e capacidade de inovação e tecnologia – marcasse presença na 4ª edição do Global Summit.

“Em várias partes do mundo, a saúde digital tem ampliado o acesso à assistência médica e esta dinâmica não é diferente em nosso país. O objetivo do Grupo Fleury nessa área é ofertar serviços integrados de pronto atendimento digital e atenção primária em saúde digital para empregadores e operadoras. Por meio do atendimento das populações de modo preventivo, integrado e contínuo, buscamos garantir a sustentabilidade do sistema”, comenta Ana Cláudia Pinto, chief medical officer (CMO) no Grupo Fleury/Saúde Digital.

Ela explica que a medicina personalizada e os serviços centrados no paciente vêm ganhando força. O fator comum nessa transformação é a enorme e crescente quantidade de dados que essas populações estão produzindo, vindos de várias fontes como biossensores, registro eletrônico de pacientes, internet das coisas (IoT), aplicativos de smartphone e outros. É nesse cenário que aparece o conceito de cuidado híbrido como ponto-chave de conexão entre o cuidado digital e a equipe de saúde, um complementando o outro, e atuando como extensão do atendimento físico, não importando a proporção do uso de cada um.

“Diante desse cenário fica claro que os sistemas de saúde precisam reinventar sua relação com seus pacientes, o que inclui levar em consideração essa quantidade crescente de dados que eles produzem, além de envolvê-los em seu próprio monitoramento e cuidado. O sistema de saúde está em transformação e a Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e a capacidade de análise de dados são peças-chave para essa revolução. O GS 2022 tem o mérito de provocar o debate sobre como acelerar e intensificar a participação da saúde digital na democratização do acesso ao cuidado e da gestão da saúde populacional”, afirma Ana Cláudia.

Num futuro próximo, segundo a CMO do Grupo Fleury/Saúde Digital, os recursos e serviços que formarão os ecossistemas de saúde incluirão modalidades de cuidados e prestados em locais tradicionais, mas, também, haverá ênfase no suporte ao autocuidado virtual, monitoramento remoto e cuidados prestados em casa.

“Os ecossistemas digitais de saúde têm o potencial de ser a espinha dorsal para a saúde individual e para a gestão de saúde populacional, facilitando as interações dos pacientes com o sistema de saúde e melhorando os desfechos assistenciais. O objetivo é endereçar os problemas de acesso, gestão e qualidade da saúde, aprimorando o cuidado pela jornada integrada e personalizada do paciente suportada por uma forte inteligência de dados. O Global Summit é um palco importante para a construção desse futuro em saúde”, afirma Ana Cláudia.

Mercado em crescimento

Em constante crescimento é assim que a 3778 – healthtech de saúde corporativa cujo objetivo é transformar a saúde nas empresas através da tecnologia, navegação e prevenção – vê o cenário do ecossistema da saúde, revela seu CEO, Guilherme Salgado.

A empresa, que vai participar do GS2022, defende que por mais que o sistema ainda seja complexo e caro, está caminhando para uma simplificação do acesso à saúde, com o grande diferencial na navegação do paciente por toda a trajetória do cuidado, que tem como resultado a prevenção e a redução de custos.

“Nós acreditamos em um novo jeito de fazer a gestão da saúde, usando a tecnologia e colocando o paciente no centro do cuidado, por meio de um acompanhamento contínuo, personalizado e direcionado do time de saúde. O tema do Global Summit deste ano fala exatamente do propósito que temos aqui na 3778: simplificar o acesso à saúde de qualidade, levando para muitos o que é privilégio de poucos. Participar de um evento que compartilha da mesma visão e que está engajado no propósito de transformação, é um dos grandes valores!”, destaca Salgado.

Opinião reiterada por Daniel Aparecido Vital, CEO da Harpia Health Solutions – a startup healthtech que desenvolve soluções computacionais baseadas em inteligência artificial para apoio ao diagnóstico de exames de imagem –, que vê o mercado de saúde digital em um momento de crescimento exponencial devido a todas as necessidades geradas pela pandemia, tanto no Brasil como no mundo, e os players do setor têm procurado cada vez mais soluções tecnológicas para suas rotinas de atendimento e diagnóstico.

“Por esse motivo, a Harpia Health resolveu patrocinar o Global Summit, visando a exposição de nossa marca e de nossas soluções de IA para apoio ao diagnóstico de mamografia e raio-X de tórax. O evento é o maior do país na área de saúde digital, e fazer parte desse ecossistema será muito importante para o nosso crescimento”, afirma Vital.

Com a retomada do evento presencial, o CEO da Harpia tem a expectativa de aumento do público participante do GS2022 e, com isso, o aumento de oportunidades comerciais e de parcerias com empresas que lá estarão.

“Participar deste ecossistema é fundamental para que nossa marca passe a ser mais visualizada e conhecida pelos grandes players da saúde no país”, finaliza Vital.

www.telemedicinesummit.com.br
 
 
 
Destaque
» Calendário Feiras do Brasil 2024 ultrapassa a marca de 2.000 #feiras e #eventos
Últimos Destaques 
01/03/2024
» NIS Conference 2024 terá Ricardo Amorim na abertura
01/03/2024
» Expoflora inicia venda de ingressos promocionais em número limitado
01/03/2024
» 8º Fórum de Manufatura acontece em agosto próximo, em São Paulo
01/03/2024
» Churrasco On Fire, da dupla Fernando e Sorocaba, chega a Bauru
29/02/2024
» SP recebe a Feira do Intercâmbio STB que acontece em 16 de março
mais...
  buscar destaques: