Atenção:

Habilite o JavaScript em seu navegador (browser) de internet!
Feiras do Brasil: a mais completa e atualizada informação sobre o mercado de feiras

 
 

 
Destaques & Notícias
 
Notícias Online
 
Sebrae participa da 6ª edição do Veste Rio

15/10/2018
Sebrae participa da 6ª edição do Veste Rio

Espaço contará com oito grifes apoiadas pela instituição

O conceito de sustentabilidade veio para ficar. Empresas de todo mundo estão cada vez mais preocupadas em preservar o meio ambiente e diminuir o desperdício de resíduos industriais. No mundo fashion não poderia ser diferente. Por conta disso, o Sebrae Rio, com o intuito de apoiar e fomentar as micro e pequenas empresas do setor de moda com viés de sustentabilidade, participará da 6ª edição do Veste Rio com o espaço “Sebrae Moda Sustentável”, onde oito grifes estarão apresentando suas coleções. São elas: Julia Loha Sportswear, Sophos Rio, Bossapack, Etc Carioca, Bunker, Grimmer, Mescla e Arrisco Brand.

São marcas do Estado do Rio de Janeiro que trabalham com matéria-prima sustentável, mão de obra qualificada e o compromisso de atender um público mais consciente, exigente e preocupado com o bem-estar e a preservação do meio ambiente.

Em 2017 foi lançado um edital de Moda Sustentável, que selecionou 40 empresas de micro e pequeno porte do segmento para serem atendidas e orientadas pelo Sebrae Rio, por um período de 15 meses (julho de 2017 a setembro de 2018). O objetivo foi aumentar a competitividade e a inovação dos pequenos negócios de moda, com a introdução de boas práticas de gestão, que priorizem a alta qualidade dos produtos; a otimização de processos e uso de recursos; o desenvolvimento de relações sustentáveis e o posicionamento das marcas, contribuindo assim para o crescimento das mesmas nos mercados nacionais e internacionais. Ao longo desse período os empresários participaram de capacitações, planejamento estratégico, palestras, cursos, feiras e eventos.

“O Sebrae Rio tem percebido uma mudança de pensamento dos consumidores com relação a questões sustentáveis. Cada vez mais eles vêm questionando sobre como são feitas e de onde vem os insumos para a confecção de suas roupas e acessórios.”, declarou Fabiana Pereira Leite, coordenadora de Moda do Sebrae Rio.

Já as grifes Lov2wear, Manu Manu, Nidas, Marju, Bossa Social, Naai, Dajo, Gavia e Shii do “Coletivo Carandaí 25”, projeto apoiado pelo Sebrae Rio, estarão presentes com suas coleções no outlet, a preços acessíveis.

O Veste Rio contará com salão de negócios (somente com credenciamento prévio), ciclo de palestras, outlet com as melhores marcas brasileiras, desfiles e boa gastronomia. O evento é gratuito, aberto ao público e será realizado de 17 a 21 de outubro, das 10h às 21h, nos armazéns 1, 2 e 3 do Píer Mauá. Mais informações no site www.vesterio.rio.

Conheça um pouco das oito grifes que estarão no espaço “Sebrae Moda Sustentável”

- Sophos Rio

Marca dos artesãos Ricardo TS e Rai Pantoja que homenageia sua filha Sofia. A palavra vem do grego e quer dizer sábio ou sábia. O Rio de Janeiro é o local onde moram, produzem e comercializam para o mundo as “biojoias” de lâminas de madeiras da Amazônia e lâminas de madeiras recicladas. São confeccionados brincos, colares e pulseiras que inovam em seu design com um material leve e arrojado. As madeiras são certificadas pelo Ibama às indústrias que as beneficiam. O processo de produção é totalmente artesanal com o uso mínimo de máquinas. O design das peças é de criação própria e procura inovar acompanhando as tendências da moda.

- Julia Loha

A Julia Loha nasceu do amor entre duas formas de arte: a dança e o design. A marca, que leva o nome da sua fundadora, desenvolve produtos de sportwear tendo como principal fonte de inspiração o Ballet. Cada modelo é elaborado para trazer conforto e liberdade de movimentos, sem nunca perder a essência da marca. A dança se reflete nas escolhas de sobreposições, texturas, recortes, cores e na crescente busca pela utilização de matérias-primas biodegradáveis, recicladas e orgânicas nas coleções.

- ETC Carioca

Marca de acessórios produzidos apenas com lascas de pedras naturais descartadas por pedreiras com certificação e uso de metal de fabricação nacional. Todo trabalho é feito de acordo com o conceito slowfashion, estimulando um consumo sustentável, consciente e responsável. Cada modelo desenvolvido é pensado para que o cliente possa utilizá-lo de formas diferentes. Toda produção é artesanal.

- Mescla

A marca, que tem como pilar o contraste entre o urbano e a natureza, utiliza matéria-prima reciclada e/ou orgânica.

- BossaPack

Inspirados na história e com foco na mobilidade urbana, os designers desenvolveram um produto prático, confortável e ao mesmo tempo descolado que representa a cultura e o estilo de quem curte a Cidade Maravilhosa: a bossapack. A ideia de que para ser global é preciso ser também regional é um dos pilares do conceito da grife. A marca utiliza somente a produção local como forma de geração de renda e diminuição do impacto ambiental com o deslocamento de mercadorias pelo planeta. Os produtos são feitos com tecidos 100% reciclados, com certificação internacional.

- Arrisco Brand

A marca nasceu a partir do sonho de sua fundadora e designer, Nathália Miguel, e da vontade crescente de mudar a forma como consumia moda. Com o ideal de que todos podem consumir com consciência, e se vestir com propósito, a designer mostra que a moda deve ser algo leve e com sentido. Quase dois anos após seu nascimento, a Arrisco é feita por pessoas dedicadas e apaixonadas pelo que fazem. Uma equipe pequena, mas que trabalha todos os dias para trazer de volta o encanto com peças que despertam sentimentos e inspiram confiança.

- Grimmer

A grife acredita que peças artísticas têm o poder de provocar o pensamento, carregar conhecimento e trazer mais reflexão para a moda. Desenvolvem uma estamparia criativa e exclusiva, buscando sempre uma palheta de cores afetiva e encantadora. Valorizam o “fazer com as mãos” e a importância de uma moda mais slow. Desde a escolha dos materiais ao descarte das sobras, a marca busca opções que reflitam positivamente em nossa comunidade e no meio ambiente.

- Bunker

A Bunker, marca carioca de cuecas, formada por três jovens irmãos, adotou uma estratégia inusitada para quem trabalha com moda. Ao invés de opções de modelos, cores, estampas, tecidos e mudanças de coleção, a empresa comercializa apenas um modelo da peça íntima masculina e somente em uma cor. A simplicidade do modelo de negócio gera outros benefícios: menos desperdício de matéria-prima e maior eficiência na produção e gestão dos estoques. O produto é feito com tecido exclusivo com tratamento anti-bactérias e mão de obra nacional, sua modelagem foi pensada nos detalhes para proporcionar conforto máximo ao consumidor.
 
 


Últimas Notícias 
04/08/2021
» Eletrolar Show marca a retomada dos encontros de negócios face-to-face e impulsiona o mercado de eletroeletrônicos
04/08/2021
» Abertas as inscrições para o Festival CIEE da Diversidade
04/08/2021
» YAMI 2021: investir na agregação de valor da produção do campo oferece lucratividade ao produtor e qualidade ao consumidor
04/08/2021
» 14º Simpósio SAE Brasil de Novos Materiais destaca inovações para a mobilidade
04/08/2021
» Em Feirão de veículos, 20% dos carros são negociados durante a retomada das atividades
mais...
  buscar notícias: